1 dia no Volcano Bay – o roteiro ideal

Author

Categories

Share

Se você vai para Orlando em breve, precisa separar pelo menos 1 dia no Volcano Bay na sua viagem.

O parque mais recente da cidade é um dos mais agitados e perfeito para quem gosta de aproveitar uma piscininha durante as férias.

Todavia, por ser muito recente, o Volcano Bay ainda não caiu no gosto do povo e as pessoas não sabem direito o que esperar do parque.

No artigo de hoje, nós mostraremos o que você poderá fazer no Volcano Bay e como usar seu 1 dia nele para aproveitar tudo. Portanto, continue lendo!

Antes de começar, algumas informações sobre o Volcano Bay

O Volcano Bay é um parque extremamente recente, tendo sido inaugurado apenas em 2017. Ou seja: ele traz o que há de mais moderno quando o assunto são parques aquáticos.

Ele foi construído pela Universal para substituir o antigo Wet ‘n Wild e tem tudo para se tornar um ponto focal para quem for de férias para Orlando, especialmente nos meses mais quentes do ano.

Por falar nisso, vamos começar respondendo uma questão muito comum: qual a melhor época para ir ao Volcano Bay?

Em termos de temperatura, Orlando tem um conjunto de estações mais ou menos bem definidas: de outubro a março, a cidade passa pelo outono/inverno, com o clima mais frio e menos chuvas.

Já de abril a setembro, o clima esquenta e as chuvas aparecem.

Por isso, nós pessoalmente recomendamos que você vá ao Volcano Bay entre maio e junho, já que julho, agosto e setembro costumam ter chuvas mais pesadas e até possibilidade de furacão.

Além disso, entre outubro e março a temperatura cai consideravelmente e não é tão legal passar o dia em um parque aquático.

Tanto é assim que alguns parques, especialmente o Typhoon Lagoon e o Blizzard Beach, costumam fechar nesse período para fazer reformas ou manutenções.

Definido o período que você vai para o Volcano Bay, existem mais três pontos que precisamos tratar antes do roteiro em si. Confira:

Tapu Tapu

Uma das grandes novidades do Volcano Bay é a Tapu Tapu, uma pulseira eletrônica que é usada em praticamente tudo envolvendo o parque aquático.

O aspecto inovador é que, com a Tapu Tapu (cada visitante recebe uma), o Volcano Bay cria filas digitais nas atrações. 

Ou seja: você não precisa ficar fisicamente na fila para ir em um dos brinquedos. Você pode ir lá, passar a sua Tapu Tapu na máquina da atração e entrar na fila digital. Depois vai curtir e se divertir. Quando chegar a sua vez, a Tapu Tapu vai avisar e você pode ir até o brinquedo.

Com isso, você tem mais tempo para aproveitar o parque. Ou seja: você entra na fila digital e vai curtir as piscinas enquanto não chega sua vez nos brinquedos.

Legal, né?

Além disso, as Tapu Tapu são usadas para pagar compras em restaurantes do Volcano Bay e abrir os armários dentro do parque. Por falar nisso…

Armários, cabanas e toalhas

Como todo parque aquático, você precisará se trocar. Afinal, não dá para ir de roupa de banho pelas ruas até chegar ao Volcano Bay.

Por isso, existem muitos armários disponíveis para os usuários, todos funcionando no formato de aluguel. Os menores custam $8 dólares, os médios são de $12 dólares e a taxa dos grandes é de $15 dólares.

Lembrando que todos os pagamentos são diários, independentemente do tempo de uso.

Além dos armários, o parque também aluga toalhas para o uso dos seus visitantes. O preço atual é de $4,99 dólares por unidade, mas não recomendamos alugá-las.

Se você for em um período quente, vai se secar naturalmente com o calor da Flórida, logo as toalhas não são tão úteis. Além disso, você pode levar as suas próprias toalhas ou as do hotel, então não faz muito sentido alugá-las.

Para completar, o Volcano Bay ainda aluga cabanas de diferentes tipos para os usuários. Elas estão espalhadas pelo parque, com serviço de garçom, espreguiçadeira, toalhas e água, além de um tablet que permite entrar nas filas das atrações sem precisar ir até lá. Custam $160 dólares por dia.

1 dia no Volcano Bay – uma manhã agitada e radical

Pronto, agora podemos entrar no nosso roteiro de 1 dia no Volcano Bay, já que vimos algumas informações básicas sobre o parque aquático.

O Volcano Bay é dividido em 4 regiões. Veja quais:

  • Volcano;
  • Wave Village;
  • Rainforest Village;
  • River Village.

Para o nosso roteiro de 1 dia no Volcano Bay, vamos dividir o período entre manhã e tarde, ficando com duas regiões em cada um.  Todavia, você pode adaptar as nossas dicas e organizar seu passeio como quiser, ok?

Volcano

O parque ganha o nome de Volcano Bay por causa de um gigantesco vulcão de 61 metros que fica no seu centro. É ali, também, que está a primeira região do nosso roteiro.

Nós escolhemos começar nosso 1 dia no Volcano Bay por essa parte porque é ali que estão as atrações mais radicais do parque.

Portanto, é ali que o grande público costuma se concentrar e é bom aproveitar as primeiras horas para curtir esses brinquedos antes que lotem.

Se você ficar hospedado em um resort da Universal, recomendamos que use a vantagem de entrar uma hora antes (o Volcano abre às 10h, mas os hóspedes entram às 9h), para curtir essas atrações mais radicais.

Confira quais são!

Atração 1 – Ko’okiri Body Plunge

O melhor para iniciar o nosso 1 dia no Volcano Bay é já partir para um choque de adrenalina com a principal atração do lugar.

O Ko’okiri Body Plunge se destaca pode ter um escorregador de 38 metros de altura, num ângulo de 70 graus, o que causa uma velocidade enorme. O mais legal é que você entra numa cápsula e o chão se abre para você cair diretamente nesse escorregador incrível.

Atração 2 – Krakatau Aqua Coaster

Uma das atrações mais icônicas do Volcano Bay é essa montanha-russa aquática.

Você entra em um carrinho com 4 pessoas e vai por um trajeto com subidas e descidas, que passa até pelo vulcão.

Atração 3 – Kala & Tai Nui Serpentine Body Slides

Uma atração muito legal para o seu 1 dia no Volcano Bay é o Kala & Tai Nui. São dois escorregadores (um verde e outro azul) que saem do vulcão e levam para a grande piscina do parque.

O legal é apostar corrida com algum amigo e ver qual chega primeiro (dica: o azul é mais rápido, mas o verde tem mais alterações de percurso). Depois de ir por um lado, tente voltar para fazer o percurso pelo outro escorregador.

Atração 4 – Punga Racers

Outra ideia legal de competição entre amigos é o Punga Racers. São 4 toboáguas que saem de dentro do vulcão e que vão cair na piscina também. O legal da atração é ir 4 pessoas juntas para apostar uma corrida e ver quem chega lá primeiro.

Rainforest Village

Depois de ter se divertido nas atrações radicais do Volcano, nosso 1 dia no Volcano Bay continua com mais atrações aventurosas.

Dessa vez, vamos para o Rainforest Village, uma parte que fica atrás do vulcão do parque.

A Rainforest Village se destaca por ter algumas atrações radicais, mas não tão pesadas como o Volcano. Por isso, é perfeita para diminuir um pouco o ritmo sem perder o impacto.

Vamos conhecer suas atrações!

Atração 5 – Taniwha Tubes

A Taniwha Tubes é uma atração com quatro toboáguas diferente. Nele, os participantes se juntam em uma boia (1 ou 2 pessoas de cada vez), para descer pelo caminho.

Cada um dos toboáguas tem um caminho diferente e é bem legal tentar fazer todos.

Se você tem medo de atrações muito radicais, não precisa se preocupar, pois os toboáguas são tranquilos.

Atração 6 – Maku & Puihi

A Maku & Puihi são um conjunto de toboáguas com múltiplos caminhos. É muito legal andar por eles porque você se sente em um videogame de corrida, enxergando os “atalhos” pela pista.

Vale a pena ir várias vezes para passar por todos os caminhos disponíveis.

Atração 7 – TeAwa The Fearless River

Para finalizar a manhã do nosso 1 dia no Volcano Bay, um passeio no rio de correnteza que passa ao redor da Rainforest Village.

O percurso é bem tranquilo e relaxante, perfeito para uma pausa antes do almoço.

Pausa para o almoço

Depois de uma manhã agitada, nosso 1 dia no Volcano Bay dá uma pausa na piscina e vai para o almoço.

Vale lembrar, como sempre, que se você quiser adaptar as atrações e modificar o roteiro, fique à vontade para fazer como for melhor para você e sua família.

Dentre as opções de alimentação, o Volcano Bay conta com 4 restaurantes de fast food e 2 quiosques com algumas opções interessantes de comida.

Todos os fast food participam do plano da Universal Dining Plan, mas os quiosques não.

Abaixo, listamos todos, além dos principais pratos deles. 

Siga a leitura para saber qual escolher quando estiver no Volcano Bay!

Bambu Jungle Kitchen

Com uma decoração ao estilo selva, o Bambu Jungle Kitchen oferece uma série de lanches e sanduíches para os visitantes do Volcano Bay.

O principal prato da casa é o Bambu Burguer, servido com cheddar, repolho, cebolas fritas e maionese de abacate, além de uma porção de fritas (custa $15,49).

Além dele, ainda existem hambúrgueres mais tradicionais como o cheeseburger ou bacon cheeseburger.

Para quem não gosta de hambúrguer, o restaurante conta com alguns pratos como frango e saladas.

The Feasting Frog

Com aparência de um sapo gigante, este restaurante é especializado em comida mexicana.

Seu prato principal é o taco, servido com carne, frango ou camarão.

Além disso, um dos destaques é o Poke Poke Bowl, um prato tipicamente havaiano, que consiste em uma cumbuca com peixe cru e vários vegetais.

Como acompanhamento, o Feasting Frog serve porções de batatas-fritas com guacamole.

Kohola Reef Restaurant & Social Club

O maior dos restaurantes do Volcano Bay é também o mais famoso e mais buscado pelos turistas.

Eles servem de tudo um pouco, mas o prato principal são as costelas de porco feita à moda havaiana (uma delícia).

Além disso, eles ainda vendem pratos com frango, vários tipos de hambúrguer, sanduíches e até pizza (vegetariana ou não).

Eles se destacam, também, por opções gostosas de sobremesa, como um Lava Cake de chocolate.

Whakawaiwai Eats

O Whakawaiwai Eats é um restaurante especializado em pizzas. Eles servem várias, de todos os tamanhos e sabores.

A mais curiosa é a Island BBQ Chicken Pizza, uma pizza feita de frango de churrasco (com molho barbecue).

Para as crianças, eles servem cachorro-quente e macarrão com queijo. Aliás, tem um cachorro-quente para adultos também, de 30 centímetros, especialidade da casa.

1 dia no Volcano Bay – uma tarde para descansar e relaxar

Quem nunca ouviu os pais ou avós dizendo para não ir nadar logo depois de comer? Por isso, nós decidimos listar apenas atividades mais tranquilas para o período da tarde.

Além de relaxar e descansar, o período da tarde trará também mais tempo para você decidir se volta em alguma das atrações que mais gostou no período da manhã.

Para completar, como há sempre o risco de chuvas, o período da tarde também permite que você saia um pouco da área da piscina enquanto chove e, mesmo assim, tenha tempo para fazer de tudo.

Portanto, vamos lá!

Wave Village

Depois de ter se divertido nas atrações radicais do Volcano, nosso 1 dia no Volcano Bay continua com uma pausa na radicalidade.

Bom, mais ou menos.

Indo para a Wave Village, que fica no pé do vulcão, nós temos apenas atrações mais relaxantes.

Atração 8 – Waturi Beach

A Waturi Beach é uma praia artificial com ondas que serve como “centro” do Volcano Bay.

A piscina é enorme e com muitas ondas artificiais, que podem chegar a algumas alturas relativamente altas.

Para algumas pessoas, a Waturi Beach é um dos pontos altos do Volcano Bay, pois realmente parece que você está em uma praia, mas sem a água salgada.

Atração 9 – The Reef

Se você gosta de uma piscina com ondas, mas não tão grandes quanto as da Waturi Beach, pode ir se divertir um pouco no The Reef.

Ele também é uma piscina com ondas, mas bem menor e com ondas pequenas. Serve mais para o descanso.

Atração 10 – Ohyah and Ohno Drop Slides

Para finalizar essa área, um pouco mais de aventura com o Ohyah and Ohno Drop Slides. Se trata de dois toboáguas que partem de dentro do vulcão, mas desembocam lá na piscina com ondas.

O passeio, em geral, é bem tranquilo e gostoso. Não tem tanta velocidade assim, especialmente se comparado com outras atrações do mesmo parque, mas dá para se divertir bastante.

O ponto essencial aqui é que você é jogado diretamente numa parte da piscina com 3 metros de profundidade. Por isso, é importantíssimo que você só vá no toboágua se souber nadar. Crianças pequenas não devem ir, claro.

Pausa para o lanche da tarde

Depois de curtir a região da Wave Village depois do almoço, provavelmente você começará a ficar com um pouco de fome mais ou menos umas 15h, 15:30. 

É uma ótima hora para uma pausa na diversão para um lanchinho da tarde em um dos quiosques do Volcano Bay,

Confira a seguir nossas sugestões!

The Fish Tail

Esse quiosque serve duas opções de snacks, além de algumas bebidas.

A primeira delas é o Churros com calda de chocolate. Já a segunda é um pretzel com calda de queijo. Ambos são muito gostosos e custam $6 dólares.

Os dois snacks participam do Universal Dining Plan, então são excelentes opções para quem optar por esse plano de refeições.

Koka Poroka

O Koka Poroka, por sua vez, é uma opção de sorvetes, ideal para os dias de mais calor.

A parte negativa é que eles não aceitam o sistema Universal Dining Plan, então você teria de pagar com dólares pelos sorvetes.

A parte boa é que o principal sorvete da casa é o Waturi Fusion, um sorvete “de arco-íris”, com uma mistura de morango, laranja, framboesa azul e banana. Uma delícia!

Depois do lanche, é hora de voltar à diversão!

River Village

A River Village é a última parte do nosso 1 dia no Volcano Bay pois ela é mais “útil” para um determinado tipo de público: quem viaja com crianças.

A River Village é quase que inteiramente dedicada aos mais novos. Por causa disso, não é muito interessante para os mais velhos.

Por isso, se você não for viajar com crianças, recomendamos apenas uma das atrações daqui e depois você pode usar o resto do dia para revisitar as partes que mais gostou, descansar em algum lugar ou fazer o que quiser.

Se estiver com crianças, talvez seja interessante trocar a ordem das áreas e começar pela River Village, para depois passar progressivamente para as áreas mais agitadas.

Vejamos quais as atrações da área!

Atração 11 – Runamukka Reef

O Runamukka Reef é uma área especial, dedicada às crianças mais em estágio de pré-adolescência. São alguns escorregadores (nada muito radical), piscinas um pouco mais profundas e a decoração é muito bonita, baseada em corais.

Atração 12 – Tot Tiki Reef

Também com decoração de corais, essa área é mais para as crianças menores, de 5, 6 anos, talvez um pouco menos.

As piscinas são bem pequenas e rasas, com alguns brinquedos estilo playground. Existem também alguns jatos de água que saem do chão e outros detalhes que divirtem as crianças.

Atração 13 – Honu Ika Moana

Aqui há um pouquinho de adrenalina, mas é bem pouco. São dois escorregadores que se destacam por algumas curvas rápidas, mas nada que assuste as crianças e nem os adultos.

Eles são feitos em boias (de 5 ou 4 pessoas dependendo do escorregador), o que deixa a brincadeira mais divertida.

Atração 14 – Kopiko Wai Winding River

Para finalizar nosso roteiro de 1 dia no Volcano Bay, o ideal é concluir o trajeto do segundo rio de corredeira do parque, o Kopiko Wai Winding River.

Ele corre ao redor da River Village e você pode passar por ele em uma boia individual.

Vale a pena ficar de noite no Volcano Bay?

Bom, nosso roteiro para 1 dia no Volcano Bay termina aqui. Se tudo der certo, você ficará no parque até mais ou menos 18 horas.

A grande questão que fica é: vale a pena ficar no Volcano Bay até o horário de fechamento do parque? Para quem não sabe, as atividades se encerram às 9 horas.

A questão é que depende muito.

Por exemplo, a época do ano define o horário do pôr do sol e do começo da “noite” em Orlando. Entre o fim de março e começo de abril, o tempo começa a mudar e o pôr do sol começa mais ou menos às 20h, 19 e qualquer coisa.

Antes disso, porém, o sol começa a se pôr às 18h. Depois de outubro, também.

Ou seja: ficar mais tempo no parque depois das 6 da tarde vai depender da época em que você for. Além disso, vai depender também do clima.

Como é natural, o período do pôr do sol é um pouco mais frio do que o resto do dia, então pode não ser tão legal curtir as piscinas. Todavia, é o horário de menor movimento do parque, então existem menos filas para as atividades.

Conclusão

No fundo, a decisão vai depender do que você quer. Se você estiver com vontade de mais uma rodada nas principais atrações, vale a pena ficar. Nosso roteiro de 1 dia no Volcano Bay é feito para que você tenha essa margem de manobra.

Já se você estiver cansado com as atividades aquáticas do parque, talvez valha a pena sair às 18h, ir para o hotel, tomar um banho e se trocar para curtir um jantar ou alguma coisa no CityWalk, quem sabe?

Esse foi o nosso roteiro de 1 dia no Volcano Bay. Você não precisa mais do que isso para curtir tudo que o parque tem a oferecer. Todavia, não sairá prejudicado se preferir repetir a dose em mais um dia.  

Diferente dos outros parques, o Volcano Bay é um lugar para relaxar e curtir, então dá para ir dois dias, talvez até três se você quiser.

Se você gostou do nosso roteiro de 1 dia no Volcano Bay, talvez se interesse por outros que fizemos:

Se você está organizando sua viagem para Orlando, entre em contato com a gente e saiba como podemos ajudar a montar roteiros personalizados para você e sua família!

Author

Share

1
Mande um Whatsapp pra gente!!!
Powered by
Receba Promoções e Novidades sobre a Disney